10 propostas para o sucesso inicial de uma startup

10 propostas para o sucesso inicial de uma startup

via GIPHY

Publicado originalmente em Jornal do Empreendedor

O caminho para executar uma ideia é sempre mais laborioso do que criativo. Por isso, listamos 10 propostas para você lançar a sua startup.

  1. Conexão – Fale com empresários experientes

O caminho para o aproveitamento de uma boa ideia, claro, é executá-la. Mas qual estratégia você vai utilizar para adquirir expertise sobre o que está criando? Conhecer o ponto de vista de outros empresários que investiram em ideias semelhantes à sua pode ser uma boa oportunidade de ampliar sua visão sobre o seu negócio.

Você pode obter informações valiosas com empresários bem-sucedidos que atuam no mesmo segmento que o seu. Estabeleça a sua conexão, amplie a sua rede e adquira conhecimentos para criar, gerenciar e expandir seu negócio. Será muito útil entender o que fez determinada empresa ser bem-sucedida, porque você tem que olhar em alguma direção, então olhe para a certa.

  1. Consistência – Tenha um plano de negócios inicial

Da concepção de uma ideia a sua transformação em uma empresa por excelência ou, no mínimo, com alguma vantagem competitiva, você terá que empregar toda a sua capacidade para colocá-la no mercado. A meta inicial do seu projeto deve ser a construção de um plano sólido pelo qual você poderá se guiar.

Este plano deverá ser consistente, baseado em pesquisa de mercado, sua capacidade de investimento, seus “fatores medos” e “fatores favoráveis”. Você já fez uma análise de seus pontos fortes e fracos?

Quais os riscos que seu empreendimento enfrentará assim que começar a funcionar? Não seja obsessivo ao executar seu plano, mas no mínimo, disciplinado.

  1. Sustentação – Crie um conselho administrativo

Criar um conselho administrativo, constituído por amigos, família ou mentores, contribuirá para que a sua escalada seja mais motivadora. Lembre-se que a partir do momento que você se torna um empreendedor, sua vida será feita de altos e baixos. Não há um caminho fácil ou pouco árduo a seguir no mercado empresarial.

Todos os dias, você terá que apresentar alguma solução para algum problema. Se você puder contar com um time de pessoas confiáveis que sirvam como um sustentáculo emocional, sua trajetória poderá ser mais firme e suave.

  1. Perspicácia – Amplie o seu know-how

Antoine van Agtmael, gestor de investimentos e criador do termo “mercados emergentes”, tem uma sentença simples, mas que serve muito bem para quem deseja abrir uma empresa: “Não é possível gerenciar o que não se pode avaliar”. De fato, você terá que ter capacidade para avaliar as necessidades de seu negócio em relação a custos, investimentos, concorrentes, clientes e mercado. Sem este know-how, sua empresa não chegará a lugar algum. Como empreendedor deverá aperfeiçoar o seu conhecimento sobre gestão administrativa, financeira e corporativa.

Mas como fazer isto sem gastar grandes somas de dinheiro? Ler e estudar podem ser a maneira mais acessível de investir em seu autodesenvolvimento, por isso crie bons hábitos de leitura. Procure por cursos e treinamentos que exijam pouco investimento e participe de congressos, palestras e workshops. Também busque ampliar o seu networking, estabelecendo contatos com quem você possa trocar experiências. E tenha perspicácia para transformar todo o seu know-how em resultados.

  1. Sistematização – Decida como estruturar o seu negócio

Sistematizar, estruturar, regularizar. Você verá que essa tríade faz parte do universo empresarial assim que buscar informações sobre o processo de formalização da sua startup. No momento que decidir executar a sua ideia, você se deparará com muitas etapas para legalizar seu negócio.
O primeiro passo é escolher a estrutura jurídica que dará forma para a sua empresa. Você poderá optar pelas modalidades de Empresário Individual, Empresário Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI) ou uma Sociedade Limitada. A estrutura jurídica influenciará, inclusive, no seu planejamento tributário.

  1. Exatidão – Aperfeiçoe o seu Pitch

Tudo o que você precisa é um projeto bem definido, bem calculado e que inspire e, claro, um bom pitch que traduza a sua ideia com eficiência para os seus investidores. Para isso, você precisa ser preciso nas suas colocações e claro na sua linguagem. Se souber combinar estes elementos você terá “chegado à exatidão”.

A cada apresentação de sua startup, aproveite para aperfeiçoar o seu tom. Se você caminhar lentamente em direção aos investidores mais visados, você terá tempo para melhorar e aperfeiçoar o seu pitch. Você deve aprimorá-lo até o ponto que ele pareça incisivo e memorável.

  1. Visão – Saiba onde e como recrutar investidores

Antes de buscar capital para a sua startup, você deve ter visão para saber qual o momento certo e qual o tipo de investimento que precisa para seu negócio. Uma dica é buscar recursos quando já não há mais viabilidade de manter seu negócio sozinho, ou quando precisar acelerar o seu projeto. Antes de começar a encontrar-se com investidores, você pode encontrar um mentor, que poderá o auxiliar tanto em questões relacionadas à gestão, quanto aconselhá-lo sobre a melhor forma de angariar fundos para a sua startup.

Chegada a hora de buscar seus investidores, coloque-se na vitrine. Prepare-se para uma intensa vida social indo ao encontro de investidores em meetups (encontros de empreendedores que facilitam o networking) e competições de planos de negócios. Você também poderá inscrever-se em plataformas de crowdfunding ou participar de projetos de incubadoras e aceleradoras.

  1. Liderança – Saiba identificar os colaboradores certos

Não há como relativizar a importância de uma boa equipe para o sucesso de uma empresa. Dado o fator inovação das startups, liderar uma equipe tornou-se ainda mais desafiador. Amy Edmondson, professora em gestão e liderança na Harvard Business, criou o termo “teaming” para descrever a “habilidade de identificar colaboradores essenciais que se adaptam de forma rápida a novos projetos”.

Segundo a pesquisadora, ao criar um time é preciso ter capacidade para identificar pessoas com flexibilidade para atuar em momentos de situações exponenciais. Em síntese, você precisa convocar membros que se moldem a ambientes dinâmicos e voláteis e estejam sempre prontos para entender “o que precisa ser feito”.

  1. Flexibilidade – Acostume-se a fazer mais com menos

No início da sua empresa você não poderá ter uma equipe para tudo, você talvez seja o administrativo, o financeiro e o responsável pelas estratégias de marketing. Mas ter recursos limitados poderá fazer de você uma pessoa mais criativa e flexível, porque de algum modo, você vai ter que fazer as coisas funcionarem.

Você poderá se surpreender com a sua capacidade de fazer mais com menos e, de quebra, quando tiver recursos para contratar pessoas para trabalhar para você, vai ter versatilidade para saber como deverá ser o andamento de cada setor.

  1. Leveza – Deixe a sua jornada mais leve

E, como última proposta, mas não menos importante, saiba dar leveza a todo seu processo de criação. A jornada já é desafiadora por si só, então não colabore para que o fardo seja mais pesado. Você pode ser entusiasmado, cheio de energia e focado, mas tenha desenvoltura para dar uma pausa e se descontrair. Após cada pequena vitória, aprenda a comemorar e descansar. Seja gentil com você mesmo e não hesite em usufruir dos resultados das suas conquistas. Não espere pelo sucesso para repousar, pois quando ele chegar, você terá ainda mais trabalho.

Em resumo, os empreendedores – falo dos empreendedores apaixonados pela ambição de ter sucesso – fazem o seu dever de casa. E nessa frase talvez esteja o impulso de toda a empresa bem-sucedida.

Juridoc.com.br é a primeira plataforma para a criação de documentos legais e gestão das formalidades administrativas para micro, pequenas e médias empresas no Brasil. O site permite que um profissional possa sozinho gerenciar todas as suas necessidades legais e administrativas: abertura de empresas, registro de marca, escrever um contrato de prestação de serviços ou fazer um NDA etc. 100% online para 100% das suas necessidades. Um serviço simples, rápido, econômico e confiável.

Deixe um comentário

© Copyright 2017 - Blocktime Coworking